domingo, 4 de janeiro de 2009

Musica/Tradução melosérrima...


Nunca mais tinha postado uma musiquinha pra vcs se derreterem...
Então vai uma mela cueca...
Liinda para aqueles que têm sensibilidade suficiente pra compreender o que faz uma pessoa pensar que ninguém jamais conseguiu me fazer ver o mundo da forma como eu o vejo agora!!!


Never saw blue like that
SHAWN COLVIN
(link para quem quiser ouvir a acompanhar a música)

Today, we took a walk up the street,
picked a flower, climbed the hill above the lake.
And secret thoughts were said aloud,
We watched the faces in the clouds,
Until the clouds were blown away.
were we ever somewhere else?
You know, its hard to say.

I never saw blue like that before.
Across the sky, Around the world,
You're giving me all you have and more.
And no one else has ever shown me how
To see the world the way I see it now.
Oh I, I never saw blue like that.

I can't believe, a month ago,
I was alone, I didn't know you,
I hadn't seen you or heard your name.
And even now, Im so amazed,
It's like a dream, its like a rainbow, its like the rain.
And some things are the way they are.
And words just can't explain.

and I never saw blue like that before.
Across the sky, Around the world,
You're giving me all you have and more.
And no one else has ever shown me how,
To see the world the way I see it now.
Oh I, I never saw blue like that before.

and it feels like now, and it feels always.
And it feels like coming home.

Never saw blue like that before.
Across the sky, Around the world,
You're giving me all you have and more.
And no one else has ever shown me how,
To see the world the way I see it now.
Oh I never saw blue like that before.
Oh I, I never saw blue like that....

TRADUÇÃO



Nunca Vi Azul Como Este

Hoje, nós caminhamos pela rua,
colhemos uma flor, escalamos a colina acima do lago.
E pensamentos secretos foram ditos em voz alta.
Nós observamos as formas nas nuvens,
até as nuvens serem carregadas para longe.
Estavamos nós em outro lugar?
Você sabe, é difícil dizer.

Eu nunca vi azul como este antes,
ao longo do céu, ao redor do mundo.
Você está me dando tudo o que tem e mais.
E ninguém jamais me mostrou como
ver o mundo do jeito que eu vejo agora.
Oh Eu, eu nunca vi azul como este.

Eu não posso acreditar, há um mês,
eu estava sozinha, eu não conhecia você,
eu nunca tinha te visto ou ouvido seu nome.
E mesmo agora, eu estou tão maravilhada,
é como um sonho, é como um Arco-Íris.
E algumas coisas são do jeito que elas são.
E palavras simplesmente não podem explicar.

e eu nunca vi azul como este antes,
ao longo do céu, ao redor do mundo.
Você está me dando tudo o que tem e mais.
E ninguém jamais me mostrou como
ver o mundo do jeito que eu vejo agora.
Oh Eu, eu nunca vi azul como este antes.

e parece como agora, e parece como sempre.
E parece como estar indo para casa.

Nunca vi azul como este antes,
ao longo do céu, ao redor do mundo.
Você está me dando tudo o que tem e mais.
E ninguém jamais me mostrou como
ver o mundo do jeito que eu vejo agora.
Oh eu nunca vi azul como este antes.
Oh Eu, eu nunca vi azul como este...





Agora tudo parece se encaixar...
Agora tudo parece fazer sentido...
Tanta coisa já passou na minha vida.
Mais eu nunca enxerguei o mundo com os olhar que tenho hoje...
Você expõe o melhor de você pode ter certeza disso...
Toca fundo... mergulha numa fortaleza quase intransponível...
E não precisa agradecer...
Basta continuar como está...
Na posição em que ocupa...


Vamo que vamO...


"Eu tava aqui tentando não pensar no seu sorriso
Mas me peguei sonhando com sua voz ao pé do ouvido
E te liguei
Me encontro tão ferida, mas te vejo aí também em carne viva...
(...)
Você já me dizia: Conheço bem as suas expressões
Você já me sorria ao final de todas as minhas cançõs"

Digitais
Isabella Taviani

3 comentários:

  1. Essa música me lembrou o filme Um Amor Pra Recordar!
    Bjs!!
    =1

    ResponderExcluir
  2. .



    Drumoond tinha plano de saúde para tratar o próprio corpo e uma igreja para cuidar da sua alma e mesmo assim arrancava do seu peito as palavras que servissem de médico para os enfermos e milagre para a desesperança.
    Eu não tenho a pretensão dos poetas, assim como não busco ouvido surdos para as minhas preces e entendimento vazios para o meu gosto, mas sigo o meu caminho olhando os meus próprios pés.
    Não quero nada além de um céu sobre a minha cabeça e um chão sob os meus pés.

    silvioafonso.




    .

    ResponderExcluir
  3. Although there are differences in content, but I still want you to establish Links, I do not
    fashion jewelry

    ResponderExcluir

Faça parte do Meu MundinhO!! Sinta-se em casa e a vontade para comentar!